Rafael Donatiello marketing de afiliados

Marketing de afiliados: Rafael Donatiello apresenta aos publishers nova opção de monetização

28 de setembro de 2022

Rafael Donatiello marketing de afiliados

Rafael Donatiello falou sobre novas formas de monetização com o marketing de afiliados

O convidado da última terça-feira, 27 de setembro, no Café com Aner foi Rafael Donatiello. Empresário, engenheiro e fundador da Agência R2 e do Instituto Conhecimento Liberta, ele falou sobre o marketing de afiliados, uma forma de monetização para publishers interessados em ampliar a carteira de ofertas a seus clientes.

Rafael explicou que o formato prevê a oferta dos produtos e serviços por inclusão de links de forma menos ostensiva que os tradicionais anúncios.

“Você não precisa necessariamente vender nenhum tipo de produto. Só precisa enviar pessoas para o site desse produtor”, afirmou, destacando que a indicação pode ser feita tanto para produtos físicos quanto digitais, como cursos, webinars e lançamentos de produtos, entre outros.

Marketing de afiliados começa a partir de uma plataforma de vendas

Para entrar neste mercado o publisher deve criar um cadastro em uma plataforma de vendas, como por exemplo a Hotmart, Eduzz, Monetizze e Ticto. A partir daí, ele faz uma pesquisa nos produtos oferecidos, que podem ser físicos ou digitais, e escolhe quais deseja promover como afiliado.

“Você não precisa escrever com o objetivo de venda. Você pode, dentro do teu conteúdo, indicar qualquer produtor. No momento em que a pessoa clicar no link, automaticamente ela estará marcada. O publisher não precisa vender nada. Basta que ele indique um conteúdo de valor para esse produtor”, afirma.

Escolha do nicho de vendas do marketing de afiliados deve levar em conta a expertise do veículo

Entre as vantagens dos publishers para a realização do marketing de afiliados, Rafael destaca a autoridade adquirida pelas revistas em relação ao seu público.

“Hoje o influenciador está vendendo um produto de beleza, a amanhã ingressos para um show, no outro dia ele está falando de investimentos, curso de inglês. Ele vende qualquer coisa para qualquer pessoa. Se você já tem um nicho de atuação e escreve sobre um tema, é interessante começar por aí”, diz.

Outro ponto importante é o prazo de duração da indicação, em relação à monetização do afiliado. De acordo com Rafael, este prazo pode ser alterado levando em conta tanto a disponibilidade do produtor quanto o interesse do afiliado. O período pode ser, inclusive, indeterminado.

“A identificação da origem daquele cliente fica registrada na ferramenta e linkada ao afiliado que o indicou. Sendo assim, é possível rastrear o cliente com aquela identificação e remunerar o afiliado sempre que ele comprar o produto, dias ou anos depois da indicação, dependendo do prazo escolhido pelo afiliado”, explica.

O rastreamento no marketing de afiliados, atualmente, é feito através dos cookies de terceiros. Mas Rafael explica que as plataformas de vendas já estão se modernizando para evitar que os mecanismos se percam quando os cookies forem extintos.

Gostou do tema? Perdeu o Café e quer ver as dicas de Rafael?

Clique aqui e veja a íntegra do Café com Aner em nosso Canal do YouTube.

Quer ficar por dentro das notícias sobre a Aner, do mercado editorial e das novidades sobre tendências em jornalismo? Clique aqui e assine a Newsletter Aner.

Para acompanhar e participar dos fóruns internos de discussão sobre Logística, Jurídico, Tributário, Tecnologia e Inovação para empresas jornalísticas? Mande um e-mail para a Aner e torne-se um associado!

Texto: Márcia Miranda – Simbiose Conteúdo

 

Selecionamos outros textos para você