Aner participa da posse de Flavio Lara Resende na Abert

24 de agosto de 2022

Sandra Martinelli (ABA), Rafael Soriano (Aner), Flávio Lara Resende (Abert), Nelcina Tropardi (ABA)  e Luiz Lara (Cenp)

Sandra Martinelli (ABA), Rafael Soriano (Aner), Flávio Lara Resende (Abert), Nelcina Tropardi (ABA) e Luiz Lara (Cenp). Foto: Divulgação/Abert

O presidente da Aner, Rafael Menin Soriano participou nesta terça-feira, 23 de agosto, da cerimônia que reconduziu o advogado e jornalista Flavio Lara Resende à presidência da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert). Na ocasião, o atual vice-presidente, Roberto Cervo Melão, também foi reconduzido ao cargo.

Diretor-geral do Grupo Bandeirantes de Comunicação, Lara Resende assumiu a presidência da Abert em 2020. O Conselho Superior da Abert elegeu ainda os novos integrantes das Câmaras de Rádio e de TV, além do Conselho Fiscal da Associação, para o quadriênio 2022-2026.

Clique aqui e veja quem são os integrantes dos Conselhos

Em seu discurso, Lara Resende relembrou os desafios que surgiram com a pandemia de COVID-19 e enalteceu a unidade da radiodifusão durante a crise global:

“Momentos adversos sempre encorajam nosso setor a traçar novos e ousados caminhos que confirmam a importância do rádio e da TV
aberta brasileiros, protagonistas nas situações mais inusitadas.”

Durante a reunião, o presidente reeleito também apresentou aos conselheiros um balanço da gestão com as principais vitórias conquistadas ao longo dos dois últimos anos, com destaque para o fortalecimento do setor e a promoção dos valores regionais, além da irrestrita defesa da democracia, da liberdade de imprensa e de expressão. Para esta nova etapa, Lara Resende enfatizou a atenção à convergência tecnológica e à disputa de setores distintos pelo mercado de produção e divulgação de conteúdo.

“A agenda estratégica da radiodifusão tem ainda muitas etapas a serem vencidas, como a redução da assimetria regulatória entre os meios de
comunicação e de divulgação e a inclusão definitiva da radiodifusão em projetos com foco em inovação e tecnologia”, frisou Lara Resende.

Melão citou a iniciativa de intensificar o diálogo com as associações estaduais em prol da unidade da Abert como um processo bem-sucedido.

“Com esse diálogo permanente, avançamos em pontos que impactam diretamente a radiodifusão. Em especial, a renovação do convênio com o Ecad até maio de 2023. Após inúmeras reuniões conduzidas pela Abert com o apoio das associações estaduais, as novas regras foram definidas com condições diferenciadas para o nosso associado”, pontuou.

Selecionamos outros textos para você