Acelerando com Aner e ANJ: Veja como foi o processo de mentoria da Pais&Filhos

29 de junho de 2022

Andressa Simonini, diretora-executiva da Pais&Filhos, no novo estúdio do POD&tudo

A seleção pelo Programa Acelerando a Transformação Digital com Aner e ANJ deu à Pais&Filhos e a outras cinco associadas à Aner o direito de um investimento de US$ 15 mil, para cada empresa, e o acompanhamento e orientação de um mentor especialista. Os mentores são profissionais escolhidos pelo International Center for Journalists (ICFJ) e pelo Meta Journalism Project para acompanhar todas as etapas de desenvolvimento do projeto.

O trabalho de mentoria com a Pais &Filhos para a criação da série de podcasts POD&tudo foi desenvolvido pela especialista Luciana Cardoso, gerente de produtos da Quartz. Nesta entrevista, Andressa Simonini, editora executiva da Pais&Filhos, nos conta como foi a experiência.

Veja aqui uma entrevista com Luciana Cardoso no Café com Aner

Como foi o processo de mentoria?

Nossa mentora foi o máximo. Luciana é super querida e nos ajudou a aprofundar tudo aquilo que a gente já tinha inserido o projeto.  Ela conseguiu nos guiar a partir da ideia concreta que a gente já tinha. A redação inteira assistiu as mentorias. Resolvi botar todo mundo para conhecer esse outro lado e ter uma nova experiência. Foi um crescimento muito grande.

De que forma Luciana colaborou com o processo?

Quando a gente pega a ideia no começo da mentoria e começa a ter as conversas com a Luciana ela explora temas e situações que são difíceis de pensar no dia a dia da redação, por conta da correria. Estruturamos ações para fazer algo pensado e com o objetivo claro de um projeto. Quando a gente tem ideia de fazer uma série de lives, por exemplo, a gente pensa acha que vai ser legal, que vai ser bacana para audiência e então executamos. Dessa vez não foi assim.  Pensamos no valor do projeto, qual a missão dele e em para quem que a gente está falando. Tudo foi analisado em reuniões, quebrando a cabeça com informações, fontes, estatísticas… com o direcionamento que deveríamos dar ao projeto. Junto com a Luciana percebemos as necessidades e fizemos leves mudanças nas metas, em como aplicar as ações, qual é o maior valor e qual é o molde que a gente teria que dar para isso ser um sucesso.

E como essa experiência pode colaborar com vocês daqui por diante?

Foi um grande aprendizado que eu acho que quando a gente criar um produto, a partir dessa experiência de mentoria, a gente vai planejar mais antes de executar. Porque agora sabemos o quanto é importante realmente deixar claro para onde a gente quer ir e qual é a nossa intenção; e quais as consequências do projeto, em que ele pode se transformar no futuro. Então, essa questão de formalizar uma estratégia realmente foi um sucesso

O que você quer dizer com consequências do projeto?

É avaliar como o nosso projeto impacta em divulgação do produto, por exemplo.  Há também outras áreas que podem ser impactadas. Luciana tem grande experiência com newsletters, então nos alertou sobre a possibilidade de aplicação de CRM e sobre  uma possibilidade de trabalho com as newsletters que também iniciamos. A mentoria nos fez ver que isso também faz parte do nosso modelo de divulgação.

E qual o impacto disso na tua equipe?

Estamos bem contentes e temos muita certeza de que vai dar muito certo. Esse trabalho vai ser só o começo de muitos outros. A redação inteira está de olho em tudo que acontece no meio dos parceiros digitais. Fomos aprovados em mais um programa do ICFJ com a Meta, que é o Digital Video Masterclass, entre redações da América Latina.  Estamos nos inscrevendo em outros. E não só pela possibilidade de receber um grant e comprar de equipamentos ou reforçar alguma questão de investimento financeiro dentro da redação, mas pela possibilidade da mentoria, que foi primordial para abrir nossa cabeça e começar a trabalhar de uma maneira diferente, fugindo do padrão e da correria do dia a dia.

Para acompanhar as novidades e saber sobre parcerias preparadas pela Aner, associe-se! Entre em contato pelo e-mail aner@aner.org.br e saiba mais.

Selecionamos outros textos para você