Reguladores estimulam potenciais compradores do TikTok a renovar práticas de privacidade das crianças

MEDIA POST – 03/09/2020

O TikTok continua a olhar para o outro lado quando se trata da privacidade das crianças, diz a Campanha por uma Infância Livre de Comerciais e o Centro para a Democracia Digital em uma carta enviada nesta quinta-feira (03) aos CEOs da Microsoft, Oracle e Walmart. O publico infanto-juvenil é o principal usuário da rede social de origem chinesa.

Leia aqui o texto na íntegra.

Selecionamos outros textos para você