“Não tem mais prazo, a demanda é ao vivo”, diz Livi

PROPMARK – 09/04/2020

Alisson Fernández

CEO da agência Talent Marcel revela que a elaboração de campanhas também precisou ser adaptada neste momento de isolamento social.

A política de home-office já era uma realidade para alguns profissionais na Talent Marcel. A novidade foi ter, de repente, a equipe inteira trabalhando fora neste momento de isolamento social causado pela Covid-19. Com isso, a agência implementou canais de comunicação para manter as áreas unidas e motivadas.

“A liderança está muito presente e próxima das suas equipes diretas para tratar todos os tipos de assunto, seja profissional ou pessoal. Há também um canal aberto entre a alta liderança da empresa com toda equipe a fim de estabelecer um relacionamento aberto e honesto. Nosso sentimento é que as equipes estão ainda mais unidas e parceiras, com trocas, aprendizados e muito apoio tanto em questões profissionais, quanto pessoais”, comenta Michelle Mica, diretora de RH da Talent Marcel.

A área de criação é, sem dúvidas, o coração da agência. Com muitos criativos no dia-a-dia trabalhando em duplas e trios, a forma para a elaboração de campanhas também precisou ser adaptada.

Segundo João Livi, CEO da Talent Marcel, os processos estão mais participativos, vivos e rápidos. “As duplas de criação estão trabalhando juntas desde o primeiro momento e no tempo em que estão desenvolvendo skills específicos, também estão em contato. Estão trocando WhatsApp direto. Talvez eles se falem mais hoje do que se falavam sentados lado a lado, e produzindo mais também”, comenta.

João finaliza que este é o momento de ajudar os clientes a encontrar soluções e posicionamentos. “Há uma demanda quase que infinita de cliente solicitando nossa ajuda para o pensar e para o fazer nesse approach. Então, as coisas não têm mais decurso de prazo, não tem mais tempo diferido, é ao vivo. E, olha, tenho falado com todo mundo na agência e as pessoas estão super satisfeitas de trabalhar assim. Não é porque está em casa, porque provavelmente elas estão trabalhando e produzindo o dobro do que elas produziam. Nossa vocação é fazer e gerenciar marca, ajudar a fazer sucesso, gerar venda. Então, todo mundo nessa vibe, através das ferramentas digitais, com um espírito de corpo fenomenal. Acho que não tem distanciamento. Social sim, mas profissional não tem nenhum. Pelo contrário, estamos mais próximos do que nunca”.

Selecionamos outros textos para você