ilustração em tom verde claro indicando a compra de produtos online, por celular

Google divulga pesquisa sobre movimento do consumo pós-pandemia

29 de março de 2022

ilustração em tom verde claro indicando consumo de produtos online, por celular

O vice-presidente do Google e presidente da companhia no Brasil, Fábio Coelho, apresentou nesta quinta-feira, 28, uma pesquisa realizada com mil brasileiros sobre hábitos de consumo durante  e pós-pandemia. A pesquisa do Google mostra que 70% dos consumidores estão animados com a possibilidade de voltar a comprar sem limitações do período pandêmico. A divulgação foi feita durante o Think With Google 2022, primeiro evento presencial da empresa desde o início da pandemia no Brasil.

Os números seguem as tendências já reveladas por outras pesquisas recentes relacionadas ao tema e mostram a importância crescente em marcas sustentáveis, que não agridam o meio ambiente e a valorização de produtos, serviços e marcas que estejam conectadas à identidade ou necessidades. Para o meio revista, os dados são importantes no sentido de indicar aos publishers como suas marcas devem ficar atentas à identificação com o consumidor. Ou seja: mais do que nunca é preciso conhecer quem é o leitor.

O trabalho mostra que 74% dos consumidores ouvidos consideram importantes, na hora da compra, escolher produtos, serviços e marcas sustentáveis, que não agridam ou agridem menos o meio ambiente. Produtos sob medida têm a preferência de 66% dos pesquisados e 62% deles valorizam produtos, serviços e marcas de origem de pequenos produtores ou produtores locais. E 57% buscam produtos, serviços ou marcas fabricados no país de origem.

Outro ponto que deve ser considerado pelos publishers é a tendência ao abandono da marca caso o consumidor nãos e sinta atendido em suas necessidades ou caso ela perca a conexão com seus valores.

De acordo com matéria publicada no Meio&Mensagem, durante o encontro, Fábio Coelho falou de vários temas, como Fake News, metaverso, Web3.0 e o papel do Google em tudo isso. Leia aqui.

Euromonitor mostra tendência semelhante em todo o mundo

As tendências também podem ser identificadas no estudo 10 Principais Tendências Globais de Consumo 2022 realizado pela Euromonitor International. O levantamento foi feito por 15 escritórios globais, com base em análises de mercados industriais e pesquisas quantitativas com consumidores. O material indica um consumidor mais preparado para lidar com adversidades e preocupado em encontrar alternativas para suprir as suas necessidades.

Entre os comportamentos, a Euromonitor destaca que o consumidor está arriscando mais e “aproveitando o momento”. Ao mesmo tempo em que incluiu o digital em sua vida, ele tem a tendência, agora, a traçar planos alternativos, de substituição de produtos e marcas quando não se sente atendido ou encontra dificuldades de acesso ao que precisa. Isso pode indicar que os editores devem encontrar ferramentas  que facilitem o acesso à informação e, principalmente aos seus canais de vendas de assinaturas e produtos.

Uma matéria na Digital House reúne as principais tendências do estudo.

Clique aqui e veja a pesquisa da Euromonitor.

Clique aqui e veja também esta matéria sobre a tecnologia no consumo, feita pela Revista Consumidor Moderno.

 

Selecionamos outros textos para você