Edição de outubro da Pais&Filhos destaca importância da brincadeira para o desenvolvimento infantil

Com informações da publicação

No mês das crianças, a Pais&Filhos traz no destaque da capa uma reportagem especial reforçando a importância dos brinquedos e brincadeiras na vida de uma criança. Cada fase tem um tipo ideal e, para ajudar os adultos responsáveis, a publicação lista quais se adequam a diferentes faixas etárias, explicando os motivos para isso. Segundo a revista, as crianças aprendem ao brincar, e por isso é necessário estimular essa prática dentro e fora de casa.

A matéria mostra como introduzir certos brinquedos e atividades no dia a dia podem ajudar desde os primeiros dias de vida. Com uma lista de produtos e lançamentos, indicamos várias opções excelentes a partir do momento que o bebê nasce até completar 12 anos de idade. Assim, pode ser uma ajuda tanto para os pais quanto os parentes que querem aproveitar a data do Dia das Crianças para acertar no presente de olhos fechados.

Como o próprio título (Partiu brincar) diz, é um convite para se jogar e se divertir! Além dos brinquedos, também apresentamos possíveis atividades para fazer dentro de casa, como a clássica Amarelinha até desafios em família. O mais interessante é que o texto prova que não é necessário nada muito grandioso para fazer acontecer, basta um toque de criatividade e disposição para aguentar o pique das crianças. Mesmo que seja adulto, o que vale aqui é manter o espírito infantil. “Ser criança é bom demais e é necessário aproveitar o que cada fase tem a nos oferecer. Momentos assim, simples, em família são aqueles que marcam para sempre”, defende Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos.

A edição de outubro da revista também traz outros destaques, como a matéria “Sem medo de viver”, que enfatiza a necessidade de estar presente no aqui e agora, principalmente no contexto que enfrentamos atualmente de pandemia, e de que formas praticar isso no dia a dia. Também é possível conferir a cobertura completa do 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade, que pela primeira vez foi 100% virtual, somando 8 horas de live, com palestras, pocket show, sorteios, ativações e a famosa-mesa redonda, para trocar experiências sobre parentalidade.

“Continuamos na missão de formar famílias mais felizes, com muita informação e troca, para que os pais encontrem qual o caminho que funciona para eles”, afirma Adriana Cury, diretora geral da Pais&Filhos. Marcos Dvoskin, presidente do conselho da Pais&Filhos, entende que por conta da pandemia, voltamos ao núcleo familiar e é esse contato que nos manterá firmes nesse período. “Acompanhar o desenvolvimento das crianças é um dos melhores sentimentos como pais. Agora, em que estamos mais juntos do que nunca dentro de casa, é a oportunidade para fortalecer esse laço, tão fundamental na formação de um ser humano”, finaliza.

Sobre a Pais&Filhos

Em setembro, a Pais&Filhos completou 52 anos de história, levando informação de qualidade às famílias brasileiras. Com confiança, segurança, carinho e cuidado produzimos conteúdos pensados para todas as fases, para quem quer engravidar, para quem está grávida e para quem tem bebês ou filhos mais velhos. Você pode acompanhar a gente na revista impressa e mensal, diariamente e em tempo real no site e redes sociais, além de participar dos Seminários Internacionais Pais&Filhos, sempre recheado de programações especiais.

Selecionamos outros textos para você