A web sai dos computadores e invade o ar que respiramos

Pyr Marcondes

Spatial Web é seu nome. Não. Não é no espaço sideral. É bem mais pertinho, no espaço a sua volta mesmo, habitando o mesmo ar que respiramos e no qual existimos.

É um tipo de virtualidade embedada no real. De forma a que o espaço em nosso entorno se digitaliza, ganha conectividade e interatividade como num celular. Só que sem celular. Sem Alexa. Sem máquina no meio.

Spatial Web é a internet desintermediada, ou porque está diretamente no nosso corpo ou porque nos relacionamos com ela num espaço virtual que está em toda parte a nossa volta. E do qual passamos a fazer parte.

Isso se torna possível através de tecnologias já totalmente conhecidas e dominadas que criam espaços virtuais aumentados em relação a realidade física que sempre habitamos e que agora ganham camadas e mais camadas de virtualidade que desconhecíamos, mas que se tornarão ubíquas e triviais, em algum momento nem tão longe assim.

As tecnologias que convergem todas juntas para que a Spatial Web se torne pão com manteiga no nosso dia a dia são, além da básica Inteligência Artificial, que é como oxigênio para todas as demais, também a Realidade Aumentada, a conectividade hiper ubíqua do 5G, a nanotecnologia que permite mais e mais capacidade de processamento em espaços cada vez menores, a computação quântica, e, por fim, a ciência profunda e em surgimento da transumanização, em que ganhamos, como seres humanos, mais e mais camadas de tecnologias coladas ou introduzidas literalmente em nosso corpo.

Essa conversão rompe definitivamente a separação entre nós e os espaços virtuais e não saberemos mais sequer se a internet de fato existe, já que ela estará em nós e nós estaremos, literalmente, dentro dela.

A Spatial Web nos envolve como parte integrante e nela não há mais claramente o físico, já que tudo se torna digital.

Se quiser entender melhor sobre o que estou falando, leia este artigo do MIT, que se chama exatamente The Four Technologies Giving Rise to the Spatial Web.

E bem-vindo a internet que é você mesmo.

Selecionamos outros textos para você